Outlander 1×09 – The Reckoning

resenhas

“Sou seu mestre, você é minha. Parece que não posso possuir sua alma sem perder a minha.”

Outlander retornou e com uma ótima novidade, a história sendo contada a partir da perspectiva de Jamie, o herói de Claire e o nosso também. Já conhecemos Claire, as suas angústias, desejos e dúvidas; e foi muito bom assistir Jamie abrindo o seu coração. Vimos o nosso heroico Highlander encontrar os desertores ingleses e descobrir que o assassinato que atribuem a ele, na verdade foi cometido pelo odioso BJR, como se não bastasse isso, Jamie também descobre que a sua esposa não cumpriu a sua promessa, acabou sendo capturada pelos ingleses e levada até o Fort William. Ele junto com os fiéis Murtagh, Angus e Rupert, invadem o forte e com momentos de ação, suspense e humor consegue salvar a sua amada.

Jamie espera que Claire se desculpe porque ela o desobedeceu, mas Claire é de outra época e não consegue entendê-lo e nem ele consegue entender a reação dela, pois ela colocou todos em risco e ainda se achava no direito de gritar e falar da forma que quisesse na frente de todos. Eles discutem, gritam e se ofendem. Claire estava decepcionada com tudo o que deu errado em sua fuga para Craig na Dun, mas não podia contar a verdade para Jamie e as palavras de Jamie só alimentavam mais essa decepção. Jamie diante disso, sente uma frustração pela aparente ingratidão de sua esposa, porque ele arriscou a sua vida e a de seus homens por ela, tendo a cabeça a prêmio se metendo em um forte repleto de ingleses e com pistolas sem munição, eita homem corajoso.

45412ff2e96668707bf63cc3aa82309c

Jamie fica decepcionado, mas prova ser capaz de controlar as suas emoções, existiam dois lados com razão, um por incompreensão do quadro completo da situação e outro por não poder contar a sua verdade. E eles conseguem chegar a um termo  quando percebem que passaram dos limites e a tristeza toma conta deles, os levando a reconciliação. Eles se perdoam, a verdade é que Jamie ama muito Claire e é capaz de fazer qualquer coisa por ela. A atuação de Sam Heughan e Caitriona Balfe nessa cena é maravilhosa, eles deixam todas as emoções aflorarem, tudo é tão verdadeiro, tocante e íntimo entre eles.

Claire é ignorada ​pelos homens do grupo e isso ajudou que entendêssemos que naquele tempo e naquele mundo um ato impensado poderia resultar em danos irreparáveis e que isso não seria esquecido com um simples pedido de desculpas, mas parecia que Claire não conseguia entender bem isso. Sim, ela estava tentando agradecê-los, mas nesse tempo e nesse mundo, geralmente quem provocava um dano assim tinha algo a pagar como uma orelha decepada ou uma surra para que as coisas fossem resolvidas, Jamie disse que ela teria que entender o quanto foi grave o que ela fez e isso só aconteceria através do castigo físico.

A cena foi bem feita e confesso divertida, apesar de todo o contexto de submissão feminina sendo exposto. Teve jogo de gato e rato, Claire fugindo e lutando muito, Jaime correndo atrás dela, levando chutes e arranhões, conhecendo novas palavras sem entendê-las. Os homens ouvindo e se divertindo com todo o embate que eles provocaram; e ficaram satisfeitos com a punição aplicada por Jamie, mas o que ele não conseguia entender era o desprezo de Claire por ele. Mas como ele mesmo disse ambos teriam que resolver muita coisa para que esse casamento desse certo. Ah, Jamie se fosse comigo além de chutes, arranhões e desprezo, eu também amassava essas bolinhas escocesas.

9

Eles retornam ao Castelo Leoch e o clima não é dos melhores porque Colum descobre que o seu sobrinho casou com uma sassenach; e que Dougal sem a sua autorização arrecadou dinheiro para a causa jacobita. Tudo é tenso, mas Jamie consegue convencê-lo de que a paz é a melhor solução, mesmo que ele tenha que aceitar que o irmão está traindo a Coroa Inglesa. Bom, temos de volta Laoghaire, que foi lá se oferecer para o Jamie, será que não seria ela a mulher ideal para ele, caso a nossa Sassenach voltasse ao seu tempo? Submissa e uma escocesa conhecedora das tradições e costumes dos clãs?

Mas Jamie não pensa assim, ainda bem porque senão eu além de amassar as bolinhas cortaria algumas partes também. Ele resiste aos avanços da Lerê e não a quis, só que criou um problema grande porque não há nada pior do que uma mulher rejeitada e claro que o desejo de vingança vai cair sobre a pessoa que está ao lado de quem se deseja.

E, então, Lerê procurou uns feitiços a delivery na região para atingir Claire. Posso dizer que não suporto essa personagem com todas as minhas forças? Lerê Despeitada e Insuportável que sacanagem botar aquele boneco de vodu embaixo da cama, aff!

Jamie toma a decisão de pedir perdão e promete nunca mais bater em Claire novamente, ele consegue enxergar a dor e a tristeza nos olhos da sua Sassenach. Na verdade, para Claire a surra foi abusiva e a diversão que Jamie sentiu com a situação, feriu não só o seu orgulho, como também o respeito próprio dela. Jamie pergunta se ela não quer mais viver como sua mulher, ela diz que não deveria, mas quer e assim a reconciliação acontece em uma das cenas mais quentes e sensuais até aqui, criando um verdadeiro jogo de poder entre homem e mulher, com marido e esposa no chão, em um ato sexual intenso e erótico, com uma Claire dominadora pegando a adaga e colocando no pescoço de Jamie; e falando que cortaria o coração dele para comer no café da manhã se ele levantasse a mão para ela novamente. Eu amo essa mulher tão forte, corajosa, independente e sedutora. Na verdade, não há mestres ou dominadores, há papéis de gêneros que estão ligados a tradições nesse mundo e Claire ajuda a combater esses padrões sociais na mente de Jamie, ou seja, ela pode ser a sua esposa, mas ela não tem que obedecê-lo só porque ele é seu marido, ela pode sim ouvi-lo e respeitá-lo como homem. E esse é o começo da compreensão e confiança um no outro, é o começo da igualdade no casamento. Ah, ainda sendo repetitiva sobre Sam e Caitiona, mas vai ter química assim lá na Escócia!

OUT¹: Jamie meu lindo, como é que você tem a chance matar BJR e deixa passar? Maldita honra!!!

OUT²: Frases do episódio:

– Você me ouve? Não, sou apenas uma mulher. Não, por que você deveria prestar atenção no que eu tenho a dizer?  (Claire )
– Eu não tenho certeza de quem está punindo quem. (Angus)
– Vi um homem rígido se curvar. Isso me fez pensar.
– Eu disse que eu iria te punir, não que eu não iria gostar. (Jamie)

OUT³: Dúvidas de Jamie:

Sassenach, o que significa “fudido”?
– E sádico?

Curta nossa página no Facebook, conheça nosso grupo, Apaixonados Por Outlander, nos siga no Twitter e Instagram. Inscreva-se no nosso canal do Youtube.

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s