Outlander 1×15 – Wentworth Prison

resenhas

“Eu faço você ficar desconfortável? Eu assombro seus sonhos desde Fort William? Quando você acorda no meio da noite, abalado e suando, é o meu rosto que você vê surgir na escuridão? Diga-me, quando você se deita com a sua esposa, e as mãos dela traçam as cicatrizes em suas costas, você pensa em mim?” – Black Jack Randall

Outlander 2014

Jamie esteve tão perto da morte e como foi torturante vê-lo esperar a sua vez enquanto outros homens eram enforcados, foi uma cena tão triste e desoladora. Quando chega a vez de Jamie, é claro que ele tenta fugir, mas é impossibilitado e mal a corda é colocada em seu pescoço, surge o maldito e odioso Black Jack Randall que ordena que a execução de Jamie pare e ele seja transferido para uma cela na masmorra. A expressão de Jamie já diz tudo e ele sabe que algo de muito ruim está por vir.

Claire tem um único objetivo em mente: tirar Jamie de lá de qualquer jeito, mesmo que isso signifique fingir ser uma parenta distante e convencer o diretor da prisão que ela está preocupada porque Jamie não pode escrever a sua mãe um adeus final. O diretor não acha sensato que uma dama encontre um criminoso perigoso, então, ele entrega para ela uma caixa com todos os pertences de Jamie. Foi tão triste ver o desespero nos olhos dela ao olhar aqueles objetos que fazem parte de Jamie e pensar que talvez não o veja mais.

Claire, Murtagh e Willie com desgosto esperam por Angus e Rupert que jogam dados. Mais tarde descobrimos que eles perdem dinheiro de propósito para dois carcereiros da prisão e descobrem que o diretor da prisão, Sir Fletcher, demora uma hora para jantar e ler a sua bíblia ficando em lugar privado e pedindo para não ser incomodado. Isso faz com que Claire pense em um plano para voltar à prisão e durante esse tempo procurar um mapa e chaves para resgatar Jamie. É impressionante a determinação e coragem de Claire, poucas vezes eu vi uma personagem  como ela.

Jamie confirma que as suas suspeitas sobre os motivos de Black Jack estão corretas, e começa o jogo sádico e torturante de BJR para quebrar Jamie. Ele quer que Jamie se entregue a ele, que ceda, que ele admita que tem medo dele e que ele povoa os seus pesadelos. Se Jamie admitir isso, então BJR permitirá que ele escolha uma morte mais honrosa que o enforcamento. BJR é um sádico odioso e que admite que qualquer homem pode ser quebrado. É claro que Jamie não cede e luta contra isso. BJR junto com o seu guarda-costas que é um troglodita imobiliza e esmaga a mão de Jamie com um martelo. Nossa é impossível não sentir a dor de Jamie e a sua resolução em não ceder para aquele monstro.

Claire junto com Murtagh encontram as chaves e enquanto Murtagh amarra um guarda, ele combina de esperar por ela na floresta atrás da prisão, enquanto ela vai atrás de Jamie, atraída por gritos ela consegue encontrar a cela onde Jamie está, ela tenta libertá-lo da corrente que o prende e promete que não vai embora sem ele, embora ele peça que ela vá porque BJR pode voltar logo e não é que o maldito retorna. Black Jack admite não estar de bom humor para mulheres naquela noite, mas talvez o seu guarda esteja e o nojento começa a revistar Claire de forma lasciva e asquerosa.

PPPP

Jamie e Claire se juntam e conseguem derrubar BJR, Jamie mata o ajudante, mas BJR consegue se livrar, pega Claire pelo pescoço e começa a esganá-la, Jamie desesperado se oferece no lugar de Claire diz que BJR pode tê-lo, se ele deixar Claire ir. Claire grita que não, mas Jamie implora que ela fique quieta, como prova de sua submissão BJR pede que Jaime coloque a sua mão machucada na mesa e com um prego e martelo a prega na mesa, depois exige um beijo. Jamie concorda se ele levar Claire embora. Eu estou tão desesperada e chocada com tudo isso, porque é uma mistura de sentimentos naquele momento, sinto ódio, repulsa, revolta, e tanta tristeza neste ato de amor que é tão carregado de dor e beleza. Claire se recusa a ir, mas Jamie insiste que ela deve, porque ele a ama, eles se despedem e BJR a leva embora; e antes de jogá-la numa vala cheia de corpos de prisioneiros mortos, Claire lança uma maldição a BJR sussurrando em seu ouvido o dia, mês e ano de sua morte, que ela conhece  pelos estudos de Frank.

BJR dá a sua palavra a Jamie de que Claire está segura, então corta a camisa de Jamie nas costas, acaricia as cicatrizes dele com um prazer perverso e diz que vai começar. Ai meu Deus! Tem mais e sim, quem já leu os livros sabe o que nos espera nesse último episódio dessa temporada.

Claire encontra Angus que junto com os outros está abrigado na casa de Marcus MacRannoch, ela tenta negociar com ele ajuda para resgatar Jamie. Ele não vai ajudar, pois teme pela segurança de sua família. Claire oferece o colar de pérolas que Jamie lhe deu e que pertencia a sua mãe, mesmo Marcus reconhecendo que foi ele quem deu o colar a mãe de Jamie, ele continua a temer em participar do resgate. Murtagh vê as cabeças de gado que pertencem a Marcus e tem uma ideia, irão resgatar Jamie com a ajuda dos bois.

Foi um episódio extremamente angustiante e desesperador. Triste demais ver o sofrimento de Claire e Jamie. Ver eles provarem e de forma dolorosa, que realmente vão fazer qualquer coisa por amor. Enquanto que Black Jack Randall encontra cada vez mais maneiras de aperfeiçoar a sua arte de tortura psicológica e física. Foi uma experiência ruim, pois nós também sentimos a tortura e desespero sentidos por Jamie e Claire. Sempre destaco a atuação de Caitriona Balfe e Tobias Menzies, mas Sam Heughan fez um trabalho excepcional, sem dizer uma única palavra ele mostrou medo, desespero, horror, dor e tristeza. Enfim, eu termino essa resenha com os olhos vermelhos e o coração apertado, eu já li todos os livros e sei o que vai acontecer, mas eu continuo a torcer para que isso possa ser mudado. Eu só quero que isso acabe logo e que Claire e Jamie possam ter o seu o final feliz, na verdade eu preciso muito disso.

OUT¹: Melhores frases do episódio:

Claire: Eu não vou deixar você.
Jamie: Sim, você vai. Faça como eu digo. Eu te amo.

Claire: Sim, eu sou uma bruxa. E eu amaldiçoo você. Eu amaldiçoo com o conhecimento, Black Jack Randall. Eu lhe dou a hora de sua morte.

Veja as outras resenhas em Resenhas dos Episódios

Curta nossa página no Facebook, conheça nosso grupo, Apaixonados Por Outlander, nos siga no Twitter e Instagram. Inscreva-se no nosso canal do Youtube.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s