A figurinista de Outlander, Terry Dresbach, fala sobre o desafio assustador de criar os trajes dos indígenas norte-americanos desta temporada

“Nós tínhamos a obrigação de fazê-lo da forma correta.”

Por Caroline Hallemann

Não é segredo que Hollywood fez história ao retratar de forma terrível os indígenas norte-americanos tanto no cinema quanto na televisão, e tais imagens estereotipadas dos povos indígenas deste continente persistem até os dias de hoje.

Este legado de desrespeito é o motivo pelo qual na 4ª. temporada, a figurinista de Outlander, Terry Dresbach, emprenhou-se por recriar os trajes dos personagens das nações Cherokee e Mohawk da forma mais autêntica possível.

“Foi assustador. E eu sabia que tínhamos a obrigação de fazê-lo da forma correta,” ela me disse ao telefone. “Hollywood teve um desempenho muito ruim e eu queria poder consertar a situação. Eu queria fazê-lo da forma certa e esta foi minha instrução desde o primeiro dia a todos os que trabalham comigo. Eu disse, “nós vamos fazer isso da forma correta, nós vamos fazer da forma mais precisa que pudermos.”

Mas a missão acabou se tornando mais difícil do que ela imaginava.

“Eu comecei a fazer minha pesquisa e logo comecei a passar mal porque havia tão pouca informação,” ela admitiu.

Dresbach disse que seu time “consultou o maior número de pessoas possível” e que ela passou um ano inteiro pesquisando sobre os trajes dos nativos norte-americanos desta temporada, o que é mais do que ela já fez por qualquer outra coisa relacionada à série. Mas ela ainda tinha algumas dúvidas.

Durante o período da pesquisa ela conseguiu falar com alguém no Smithsonian Museum of the American Indian o qual, infelizmente, confirmou que alguns detalhes são desconhecidos.

Finalmente, ela disse: “Quer saber? O resultado é que nós simplesmente não sabemos. Cada informação que havia, por menor que fosse, foi queimada nas bibliotecas durante a Guerra Civil.” E eu apenas me lembro dessa sensação de doer o coração,” disse Dresbach.

“Há pouca informação porque nós estamos falando sobre genocídio, e também sobre genocídio cultural.”

4 - Os Tambore do Outono VU

Dresbach encara a criação dos trajes como o ato de montar um quebra-cabeça de pesquisa histórica, embora algumas peças ainda estejam faltando.

“A certa altura você quase tem que tentar viver o que essas pessoas viveram e pensar, qual é a temperatura? Qual o clima, por que eu faria isso? Onde estaria indo? E tentar adivinhar como preencher as peças faltantes do quebra-cabeça,” ela explicou.

“E foi uma coisa muito difícil de fazer porque eu sou uma mulher branca e estava com muito medo de fazer alguma coisa errada.”

Ainda é cedo para julgar a reação do público com relação ao seu trabalho, mas o produtor executivo Matthew B. Roberts está confiante nos seus esforços. “Cada departamento, do design de produção ao figurino, cabelo e maquiagem, fez muita pesquisa para garantir que estamos criando um mundo que pareça autêntico no tempo e no espaço,” diz Roberts.

Desbrach declara que os atores das primeiras nações ficaram muito satisfeitos com os trajes. (De acordo com a produtora executiva Maril Davis, a equipe adoraria poder contar com atores dos Estados Unidos, mas isso não foi possível devido a algumas regras do sindicato – Screen Actors’ Guild. Então, os atores das primeiras nações vieram do Canadá.)

“Este é o público mais difícil de agradar e você quer que eles saibam que você respeitou e honrou suas tradições,” ela disse.

“Eu acho que (os trajes) parecem reais – Ron (Moore, produtor de Outlander e marido de Dresbach) sempre diz, ‘as pessoas querem sentir que aquilo que estão assistindo é real, como você chegou lá não é importante.’ Acho que conseguimos.”

As criações de Dresbach para a 4ª. temporada estão atualmente em exposição no SCAD como parte de uma exposição chamada “O Novo Mundo: Outlander 4ª. temporada.”

Fonte: Town &Country Magazine em 25/11/2018

Curta nossa página no Facebook, conheça nosso grupo, Apaixonados Por Outlander, nos siga no Twitter e Instagram. Inscreva-se no nosso canal do Youtube.

 


Um comentário sobre “A figurinista de Outlander, Terry Dresbach, fala sobre o desafio assustador de criar os trajes dos indígenas norte-americanos desta temporada

  1. Que linda demonstração de respeito pelos povos indígenas, tão maltratados nos EUA e aqui no Brasil. Somente uma pessoa de outro povo massacrado teria tanta empatia e admiração. Parabéns sempre para todos envolvidos na serie OUTLANDER, que veio para mostrar a realidade da história.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s