Conto de Natal: As Três Árvores

contos
Essa é uma história independente, baseada nos livros e pode conter personagens ou menção a fatos que você talvez não tenha lido.

– Jesus H. Roosevelt Christ!Claire falou com impaciência. – Essa manga ficou enorme, eu realmente não tenho jeito com essas agulhas e terei de refazê-las! – Ela completou desanimada.

– Está bom Sassenach e também eu posso carregar a pequena Mandy aquecida dentro dela – Jamie respondeu cheio de humor, mas mudando de assunto ao ver o olhar assassino no rosto dela. – O que era aquela história que você e Mandy tanto falavam sobre árvores mais cedo.

– Ah… só uma lembrança do nosso tempo – Claire falou com um tom de saudosismo na voz. – No Natal as casas, lojas, ruas e até cidades inteiras ficavam decoradas para as festas. Quando Bree era pequena nós íamos comprar um pinheiro, porque não tínhamos uma floresta à nossa disposição – Claire logo respondeu ao ver a cara de surpresa de Jamie. – Então a gente levava a árvore para casa e a enfeitava com bolas coloridas, uma grande estrela no topo, cartões de Natal e várias luzes que piscavam.

– Luzes que piscavam?

– Hum… sim, sabe aquela noite quando surgiu um bando de vagalumes no céu e você ficou admirado com a beleza deles porque pareciam luzes piscando na noite? Então, as luzes de Natal eram assim.

– Hum devia ser algo muito bonito mesmo.

– Sim e depois da ceia de Natal, Bree sempre abria o livro de Contos de Natal e pedia para que eu lesse uma em especial. E eu estava contando essa história para Mandy.

– Será que você poderia contar para mim, Sassenach?

– Claro, na verdade eu comprei esse livro para Bree porque tinha essa história e era esse conto que Tio Lamb lia para mim sempre no Natal. Você sabe que depois que perdi meus pais com cinco anos, eu fiquei com o meu tio que não tinha uma vida normal e que não seguia uma rotina, mas ele sempre procurava uma forma de criar um clima de família. – Claire ficou em silêncio por alguns minutos como se trouxesse à memória os rostos dos entes que um dia partiram e deixaram tantas saudades. Ela pigarreou, enxugou a lágrima que caía e começou a falar:

” Havia em uma pequena cidade, três pequenas árvores que conversavam sobre o que queriam ser quando crescessem.  A primeira, olhando para as estrelas sonhava que queria ser o baú mais precioso do mundo, cheio de tesouros. E por isso, até seria cortada de bom gosto. A segunda árvore olhando para o riacho, suspirou e falou que queria ser um grande navio para transportar reis e rainhas. Já a terceira árvore olhou para o vale e disse que queria ficar no alto da montanha, crescer tanto, mas tanto, que as pessoas, ao olharem para ela, levantariam os olhos e pensariam em Deus. Muitos anos se passaram e certo dia vieram três lenhadores que não costumavam ouvir ou entender sonhos. A primeira árvore acabou sendo transformada em um coxo para animais e foi coberto de feno. A segunda virou um simples barco de pesca, carregando pessoas e peixes todos os dias. E a terceira, mesmo sonhando em ficar no alto da montanha, acabou cortada em grossas vigas e colocada de lado num depósito. E todas as três se perguntavam: Por que isso aconteceu? – Mas, em uma noite, cheia de luz e estrelas, com melodias no ar, uma jovem mulher colocou o seu bebê recém-nascido naquele coxo de animais. E de repente, a  primeira árvore percebeu que continha o maior tesouro do mundo. A segunda árvore, anos mais tarde, acabou transportando um homem que adormeceu no barco. Mas quando a tempestade quase o afundou, o homem levantou e disse ao mar revolto: Sossega… e tudo acalmou. E então, a segunda árvore entendeu que estava carregando o Rei dos Céus e da Terra. Tempos mais tarde, em uma sexta-feira, a terceira árvore ficou espantada quando as suas vigas foram unidas em forma de uma cruz e um homem foi pregado nela, pois fora condenado à morte mesmo sendo inocente. Logo, ela se sentiu horrível e cruel, mas no domingo, o mundo vibrou de alegria e a terceira árvore entendeu que nela havia sido pregado um homem para salvação da humanidade, e que as pessoas se lembrariam de Deus e de seu filho Jesus Cristo ao olharem para ela. As árvores podiam ter sonhos, mas as sua realizações foram mil vezes melhores e mais sábias do que haviam imaginado. Porque por mais que não entendemos o porquê das coisas, ou às vezes pareça tudo errado, só precisamos saber que ELE sabe o que faz.”

– Linda história Sassenach.

– Sim e vamos dormir porque amanhã o dia será um dia cheio com os preparativos para a noite de Natal.

sorteio-banner

No outro dia…

Sassenach você pode vir até o escritório?

Jamie o que você… – Claire parou admirada e surpresa na porta do escritório ao ver Jamie parado ao lado de um pequeno pinheiro. Por causa do inverno rigoroso na Carolina do Norte, a maioria das árvores estavam sem folhas e o pinheiro se encontrava assim, mas Jamie o havia  enfeitado com vários pedaços de fitas coloridas amarrados nos galhos, havia também algumas bolas feitas de novelos de lã e em cima da árvore uma estrela feita de madeira que provavelmente havia sido entalhada pelo próprio Jamie.

– Gostou Sassenach? – Ele perguntou ansioso e corando um pouco. – Eu procurei um pinheiro bonito, mas não sobraram muitos aqui, depois consegui com as meninas restos de fitas da costuras e novelos de lã, então Germain, Jemmy e Mandy me ajudaram a decorar… eu fiz a estrela, mas não consegui achar vagalumes para prendê-los na árvore e…

Jamie foi interrompido quando Claire caiu em seus braços o beijando com paixão.

– Oh, Jamie tudo está perfeito meu amor… – ela falou emocionada.

– Tudo sempre é perfeito com você, Claire. Feliz Natal!

Curta nossa página no Facebook, conheça nosso grupo, Apaixonados Por Outlander, nos siga no Twitter e Instagram. Inscreva-se no nosso canal do Youtube.

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s