Fanfic – Histórias da Colina Fraser – Cap. 28: A Sorte

FANFIC |Cap. 27

– Me deixe olhar para você – Claire pediu enquanto virava devagar o rosto de Jamie. Ele estava pálido e de muito mau humor, porém não vomitava mais e a terrível cor esverdeada que fora a sua companheira nesses dois dias, já o deixara. Eles partiram da ilha e agora estavam a caminho da Escócia

– Vai querer me furar mais? – Ele falou azedo. 

– Não seja ingrato, Jamie! – Ela falou séria olhando para o rosto dele, mas desviando o olhar para o mar que agora tinha o belo reflexo  da grande lua  que brilhava no céu. Jamie parecia muito com um porco espinho raivoso e a vontade dela de rir era grande. Recomposta, ela voltou a olhar para ele e falou:- O Sr. Willoughby foi muito gentil em deixar as agulhas dele para que você não enjoasse tanto durante a viagem. Será que ele vai ficar bem sozinho naquela ilha?

– Ele ficará trabalhando no comércio em uma das lojas de Jared e desde que ele fique afastado do conhaque, Sassenach, aquele chinês pervertido não deve arranjar problemas. E como o Sr. Maclver frisou – Jamie nesse momento deu um pequeno sorriso para ela. – Ter um chinês como atendente será um grande atrativo para as vendas.

– John parecia chateado com a sua partida.

– John é um bom amigo. Foi bom passar um tempo conversando e jogando xadrez com ele, Sassenach.

– E como ele está?

 Jamie sorriu ao perceber que ela perguntava sobre Willian.

– Grande, teimoso, inteligente, avançando em latim e amando cada vez mais os cavalos – ele falou pensativo e com o olhar distante. Provavelmente na Inglaterra onde Willian morava.

– Então, ele está crescendo como o pai dele – ela falou sorrindo e segurando a mão dele com carinho. 

Jamie sorriu e deu de ombros sem jeito, depois ele a abraçou pela cintura e falou:

 – John sentiu não só a minha partida como também das crianças. Ele fez amizade com Faith, Brianna e também com o paspalho do Jovem Ian – Jamie falou  com carinho o nome do sobrinho. – E também a sua, Sassenach. Durante essa semana que passou, ele não parou de repetir  como você era única e admirável. – Ele riu ao ver a expressão de surpresa dela. – Brianna me falou que alguns povos tinham o costume de fazer bonecos e espetar agulhas para lançar  feitiços.  E você furou a cabeça dele, Sassenach. Você por acaso lançou algum feitiço no pobre do homem?

– Eu? Que absurdo, Jamie. Eu sou uma médica e salvei a vida dele! – Ela respondeu indignada.

– Uma linda e talentosa médica… e a minha Sassenach – ele falou orgulhoso.

– Oh… – ela falou emocionada. E depois pegou a caixa de veludo vermelha em seu bolso e com habilidade começou a retirar uma por uma as agulhas do rosto dele. – Você está melhor e acredito que não precise mais delas.

– Venha aqui, Sassenach – ele a abraçou e a beijou. Eles ficaram abraçados olhando a lua e sentindo a brisa do mar em seus rostos. 

– Talvez como sua médica, eu deva colocar só mais uma agulha aqui – Claire falou ficando na ponta dos pés e o beijando nos lábios, ela sorriu quando viu que ele também sorria feliz de volta. – Ou talvez ao invés de uma agulha, eu faça isso – ela ainda abraçada a ele aproveitou para olhar em volta e assegurar que os homens estavam entretidos com a lida no navio e não olhavam para eles, então ela passou a mão por cima da calça dele esfregando bem devagar e notando que o volume dentro das calças endurecia depressa. Ela riu ao ouvir um pequeno gemido dele.

– Vamos para a cabine, Sassenach – ele falou com a voz rouca.

– Bem que eu gostaria, mas nossa cabine já está ocupada – ela falou com pesar na voz porque não havia cabines para todos e a cabine dos dois ficara com as mulheres, e a outra com os rapazes. Há dois dias que Marsali Brianna ficavam suspirando pelos cantos do navio. Já Fergus e Roger sofriam do mesmo mau humor que Jamie.

– Maldição! – Jamie falou e pegando Claire pela mão a levou em direção à escada onde ficavam as cobertas. – Venha!

Eles passaram em silêncio pelas cabines para não acordarem ninguém e segurando o riso como dois jovens amantes  que procuram por um esconderijo para se amarem em segredo, e, com medo de serem descobertos a qualquer momento. Passaram pela cozinha e ouviram quando o cozinheiro, o Sr. Joseph, um irlandês rabugento que fizera amizade com Claire, fazia barulho de panelas e falava em voz alta com o capitão que faria uma bela sopa de tartaruga para a Sra. Fraser, pois a sopa além de ser rica em nutrientes, diziam também que era um santo afrodisíaco.

Jamie teve que colocar a mão na boca de Claire a impedindo de gargalhar. Eles desceram mais e chegaram até o comôdo onde ficavam as mercadorias  e onde agora havia caixas e mais caixas com produtos que Jared encomendara. Claire sem demora começou a desarramar os cardaços da calça de Jamie e segurou com força o pênis  dele que estava completamente duro.  Jamie levantou as saias dela  e a tocou com dedos. Depois a beijou novamente e falou:

– Meu Deus, Sassenach! Você está toda encharcada! – Ela riu e deu uma mordida no lábio inferior dele deixando um gosto de sangue na boca dele. – Quem precisa de sopa de tartaruga? 

– Pare de falar  – ela falou o beijando com desejo, depois virou de costas pra ele e se encostou em algumas caixas grandes ficando empinada. – E me possua com força! – Ela falou provocante.

– Eu a machuquei, Sassenach?

– Não, Jamie – eles estavam deitados em cima de alguns tecidos que Jamie tirou de uma das caixas e arrumou no chão de madeira do navio. Claire estava com a cabeça no peito dele e levantou o rosto para olhar diretamente para ele. – Por quê?

– É que às vezes eu me perco e… hoje você me fez perder, Sassenach – ele parecia constrangido. – Quando você falou sem parar “mais forte, mais fundo”… aí, eu me perdi e fui com força… depois fiquei com medo de tê-la machucado.

– Jamie, eu quis assim… nem sempre quero que seja desse jeito, mas hoje eu quis e pedi – ela falou o beijando.

– Sassenach?

– Sim…

– Você ainda pode ter um filho? Por que eu sei que você ainda sangra – Ele perguntou envergonhado e ficando vermelho. 

– Eu nunca vou me acostumar que você saiba o meu ciclo menstrual! – Ela falou admirada. – Acho que sim. Como você bem disse, eu ainda menstruo e mesmo que não seja tão fértil como antes, há relatos de mulheres que engravidaram na minha idade – ela falou com a voz distante.

– E você gostaria de ter outra criança comigo, Sassenach

– Eu pensei muito nisso quando resolvi voltar para você, Jamie – ela falou depois de algum tempo em silêncio. – Quando eu engravidei de Faith, tanto a gravidez como o parto foram muito dificéis e quase que nós duas morremos – ela falou baixinho e sentiu quando Jamie a abraçava mais forte. – Brianna nasceu em um hospital e o parto foi mais tranquilo, assim como a gravidez dela foi mais tranquila… tirando é claro a minha tristeza e vontade de morrer sem ter você em minha vida – ela falou e sentiu quando algumas lágrimas escorreram pelo rosto. – Por isso que quando, eu decidi que voltaria para você e talvez corresse o risco de engravidar novamente, pensei em operar. No meu tempo há uma cirurgia que impede que as mulheres fiquem grávidas.

– Se você fez essa operação, Claire – ele falou baixinho e enxugando com a mão as lágrimas do rosto dela. – Você fez muito bem porque eu só quero que você fique bem e não corra nenhum risco. Eu já tenho tudo o que sempre quis. Meus filhos juntos comigo e você, Sassenach.

Saga Outlander

– Não Jamie, eu não fiz a cirurgia – ela sorriu ao ver o olhar esperançoso dele. – Eu achei que se você quisesse um filho comigo… quem sabe poderíamos tentar a sorte. Mas nós estamos mais velhos e mais uma vez sem ter onde morar. E algo me diz que logo seremos avós – ela falou sorrindo.

– Sim, mas se essa viagem durar muito tempo e os meninos continuarem a dormir separados… acho que vamos ficar um bom tempo sem ter um neto, Sassenach.

– A viagem não vai durar tanto tempo assim e eles vão encontrar um jeito, Jamie – ela olhou para ele e sorriu. – Assim como nós encontramos o nosso.

-Falar em encontrar um jeito, Sassenach – ele falou a tirando com carinho do peito dele,  levantando e se espreguiçando, enquanto fazia caretas de dor ao alongar os braços e a coluna. – Já quase amanheceu e eu preciso usar a latrina e acredito que você queira se lavar, além do meu estômago gritar por comida.

– Hum… verdade – ela falou animada enquanto arrumava a roupa e depois os cabelos. – Preciso muito me lavar e também descobrir com o Sr Joseph se a minha sopa de tartaruga já está pronta. Sabia que ela tem poderes afrodisíacos, Jamie? – Ela falou provocando ele.

– Sassenach… – ele falou rindo e beijando ela. Antes de saírem do pequeno cômodo, Jamie a segurou pelo braço e olhando profundamente com os olhos azuis para ela falou: – Quem sabe a sorte não nos brinde… porque ela já foi lançada!

Claire também sorriu esperançosa para ele. A sorte e um filho… quem poderá dizer o que o futuro reservará para eles?

 Quando eles chegaram ao convés superior do navio, perceberam que havia algo errado. Vários homens da tripulação falavam e olhavam preocupados para o horizonte. Jamie foi até onde o capitão estava e conversou com ele, depois olhou pela luneta que o capitão oferecia a ele.

Jamie depois voltou para falar com Claire com um semblante preocupado.

– O que está acontecendo, Jamie?

– Não sei direito, Sassenach, mas o capitão falou que tem um navio que desde ontem está nos seguindo – ele falou incomodado.

– É um navio inglês?

– Não. Ele tem uma bandeira preta e com um desenho de caveira.

FANFIC | Cap. 29

Aviso Legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e personagens fictícios; e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. História sem fins lucrativos feita apenas de fã para fã, sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Curta nossa página no Facebook, conheça nosso grupo, Apaixonados Por Outlander, siga no Twitter e Instagram. Inscreva-se no nosso canal do Youtube e do Telegram!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s